MENSAGEM DE REFLEXÃO: O PERDÃO DIVINO

Certa mulher foi até seu pastor tendo em suas mãos um punhado de areia molhada. Amargurada mostrou-lhe e perguntou se sabia o que era aquilo, ele disse que era um punhado de areia molhada. A mulher perguntou se sabia o que significava e ele disse que não, chorando ela disse que aquilo era ela, com sua multidão de pecados, que nem podiam ser enumerados. O pastor perguntou de onde era aquela areia e ela disse que pegara na praia, disse-lhe para voltar à praia e fazer o mais alto monte de areia que conseguisse.

A mulher foi embora, mas, uma hora depois, estava de volta. Disse ao pastor que fizera o monte de areia, mas que viera uma onda e destruíra tudo. O pastor disse-lhe então:

– É justamente assim, quando pedimos ao nosso Pai celestial, por amor de Jesus, que nos perdoe os pecados. Ele os toma completamente, pois o “sangue de Jesus nos purifica de todo o pecado” (I João 1:7b).

Não foram poucas vezes que ouvi cristãos sinceros orando e, querendo mostrar humilhação e contrição diante do Pai, pediam que lhes fosse perdoada a multidão de pecados. Ora, se você pede perdão diariamente ao Pai como ainda tem uma multidão de pecados?

Para aqueles que, em sinceridade de coração e propósito, arrependidos e dispostos a uma nova vida pedem perdão ao Pai, NUNCA haverá uma multidão de pecados, pois, muito maior que nossa capacidade de pecar é a capacidade de Deus em nos perdoar. Louvado seja Deus por isso.

Por: Gelson de Almeida Jr

Tags:, ,

Nenhum comentário Quero comentar!

No comments yet.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URL

Leave a comment

Dados do Autor

EMAIL SITE /BLOG

Dados desta matéria

Publicidade